Quando estava à espera da Minha Filha Mais Velha peguei nos restos de lã das coisas que tinha feito e resolvi fazer um xaile quadrado, uma carreira de cada cor.
Na altura não era habitual fazer xailes de bébé com cores fortes, mas gostei do resultado.
Este xaile foi criadouro dela e dos outros três que se seguiram.
E como todos se lembravam de terem estado embrulhados nele e de verem os seguintes nos mesmos preparos, já depois de grandes gostavam de embrulhar as pernas no xaile, como se fosse um sarong. Não lhe deu muita saúde, e os buracos foram surgindo.
Não me ralei, porque não pensava que ele pudesse vir a ter serventia mais condigna.
Mas quando chegou a Minha Primeira Neta voltou a ter as funções para as quais foi criado.
Qualquer dia vou-me dispor a remendá-lo, quem sabe para poder ser usado por algum bisneto.







5 comentários:

MABELY disse...

preciosa la manta nenas me gusto el punto y el combinado de colores me encanta saludos que tengas un esplendido dia
http://coqueteandoconelcrochet.blogspot.com/

Nita disse...

Olá
Adorei a história da mantinha, e as cores são perfeitas parabéns.

Anónimo disse...

Boa tarde,navegando pela net me chamou a atenção o titulo manta de penelope e entrei no blog, fiquei apaixonada pela manta, é muito linda, você poderia me fazer um favor e enviar a receita, para que eu possa fazer esta manta. muito obrigada mirian. meu e-mail é mbuglio@hotmail.com

Anónimo disse...

Boa tarde,navegando pela net me chamou a atenção o titulo manta de penelope e entrei no blog, fiquei apaixonada pela manta, é muito linda, você poderia me fazer um favor e enviar a receita, para que eu possa fazer esta manta. muito obrigada mirian. meu e-mail é mbuglio@hotmail.com

Anónimo disse...

o que eu estava procurando, obrigado